Desenvolver-se como um todo

Olá amigos, bom dia!

Pois é, já estamos quase na metade de Março deste maravilhoso ano de 2019! Como está a correr o ano para ti? Como estão os teus planos? Quais são os teus objetivos para 2019? Já estás a colocar em prática o que planeaste?

Por aqui, muita coisa acontecendo: o meu segundo romance (AGEHU – Onde a vida começa a mudar) será publicado em breve, estou trazendo a Ecstatic Dance para as cidades de Castelo Branco e Covilhã, promovendo Workshops na área do Desenvolvimento Pessoal e também começarei a realizar Encontros de Yoga/Meditação e Encontros de Coaching em Castelo Branco. Além disso, há grandes possibildades também de desenvolver o meu novo trabalho musical, que tem recebido um feedback muito positivo do público.

Continue lendo “Desenvolver-se como um todo”

…aja! Viaja!

Olá amigos,

Eu queria mais uma vez falar sobre a importância de se viajar. Mas Neo, por que persistes tanto neste assunto? A resposta é simples e paradoxal ao mesmo tempo. Simples, porque ao viajar, a pessoa querendo ou não acaba por sair da sua zona de conforto; paradoxal, porque ao sair da sua zona de conforto, a pessoa acaba por ampliar a mesma.

Continue lendo “…aja! Viaja!”

Só muda quem assume o que faz

“Tudo depende do nosso ponto de vista – continuou Isis –, daquilo que estamos dispostos a enxergar. Podemos olhar para o mar e ver apenas um monte de água ou podemos vislumbrar a incontável quantidade de vida e beleza que há em seu interior. Podemos olhar para um jardim no fim do inverno e enxergarmos tão somente a morte ou podemos nos dar o trabalho de olhar mais atentamente e percebermos a vida brotando vagarosa e infinitamente. Depende para onde direcionamos o nosso olhar ou nossa vontade. A escolha é nossa! E por isso os frutos que iremos colher são também de nossa inteira responsabilidade.” (AGEHU, Neo One Eon)

Continue lendo “Só muda quem assume o que faz”