Dentro da mala

Hoje, ao olhar para a mala, senti mais uma vez aquela emoção da partida, de um novo horizonte, de um novo começo. Mas desta vez havia algo de diferente: não era a mesma mala de sempre. Apesar de parecida com a outra, era uma nova mala. Não que seja uma mala recém comprada, mas ainda assim uma mala nova – nova para mim. Um pequeno detalhe, mas por vezes pequenos detalhes nos fazem refletir ou tomar atitudes diferentes ou necessárias. Continue lendo “Dentro da mala”

Desacelerar é preciso

Paciência, tolerância, fé no caminho – em um mundo cada vez mais frenético e instantâneo, estes se tornaram os grandes desafios em nossas vidas. É tanta informação que a mente não consegue acompanhar, é como se o nosso HD interno (cérebro) estivesse super lotado, praticamente sem espaço físico para suportar tanta carga… Continue lendo “Desacelerar é preciso”

Cuidar do jardim da vida

A vida é como um imenso jardim esperando pelo desabrochar das flores humanas. Quanto mais almas desabrocharem, mais bonito fica o jardim!” (Agehu, Neo One Eon)

Este trecho de meu novo livro tem muito a ver com as experiências que tive nas últimas duas semanas de minha vida. Eu costumo dizer que todo encontro é sagrado, nem que seja um encontro com apenas duas pessoas. E quando um encontro reúne diversas pessoas de diferentes nacionalidades que buscam algo a mais em suas vidas, pessoas que não se dão por satisfeitas, convencidas ou vencidas, significa que algo realmente de grandioso e transcedental está acontecendo…

Continue lendo “Cuidar do jardim da vida”